O futuro, agora

AddThis Social Bookmark Button
"Quem não sabe o que procura não percebe quando encontra."
-- Claude Bernard

A vantagem em falar do futuro, é que, acertando você vira um futurista consagrado e errando, bem... Quem é que pode prever o que vai acontecer amanhã, mesmo?

Então, já que não corro nenhum risco dando alguns palpites, permita-me apresentar 8 previsões que vão acontecer neste ano ou mais tardar no próximo e que podem influenciar o seu negócio. Quem viver, verá!

-- Com o inegável avanço da tecnologia é certo afirmar que celulares com câmeras já serão o padrão do mercado no próximo natal. Talvez até com mp3 player ou isso vai ficar para 2007? Se você lida com estas tecnologias, fique atento!

-- Se não houver mais nenhum atraso, aquela famosa empresa de software vai lançar sua nova versão de sistema operacional (SO), o Windows Vista. Com isso, vai encarar seu maior desafio. Será que os usuários vão querer pagar por mais este upgrade, apenas para descobrir um monte de vulnerabilidades mais tarde?

Cercada por todos os lados, como será que a Microsoft vai reagir? Seja como for, acredito que o mercado de SO vai pender para o lado do software livre. Com ou sem incentivo do governo, isso já vem ocorrendo nas empresas, E com sistemas cada vez mais fáceis de usar, logo qualquer usuário vai preferir um SO de código livre em vez de uma janela pirata.

-- Falando em código livre, a adoção de sistemas open source também deve ser uma tendência deste ano. Diversas iniciativas (inclusive do meio.ws) neste sentido parecem apontar a direção.

Não estou falando apenas de sistemas operacionais ou linguagens de programação, mas de sistemas aplicativos completos, como lojas virtuais, leilões, ensino a distancia, CRM, etc. Há diversas iniciativas neste sentido, no Brasil e no mundo. Dê uma atenção.

-- Como se não bastasse a política preencher nosso tempo durante quase todo o ano passado e atrasar ainda mais o Brasil, este é um ano de eleições – que no Brasil obrigam a votar e com exceção dos prefeitos, vota tudo de uma vez...

Essa interessa aos webmasters ociosos. A previsão – fácil – é que as campanhas vão gastar bem menos este ano. A Internet será muito importante para as campanhas, mas quem abusar vai se dar mal.

Em outras palavras, se você for candidato, o spam só vai servir para o povo saber em quem NÃO votar. Por outro lado, se fosse concorrer, eu montaria um blog, um site bem pessoal. Afinal, é preciso ganhar o coração das pessoas para receber seus votos. E blogs são fantásticos para um relacionamento pessoal na rede, além de se darem bem com os buscadores.

-- Falando em buscadores – estas ferramentas devem se firmar como o grande recurso de marketing na Internet em 2006. Inclua-se também as metabuscas, sites de opinião e comparação de preço. Se você tem algo pra vender neste ano, invista em sites de pesquisa.

-- Aumento do mercado de infoprodutos – o mercado de info-produtos vai explodir no Brasil. Claro que vai surgir muita porcaria, promessas de enriquecimento rápido, e coisa e tal, mas ao lado disso, o mercado vai se firmar com produtos de alta qualidade.

É o caso das pessoas vencerem a resistência a comprar algo que não podem tocar com as mãos, mas que pode mudar suas vidas.

Não apenas ebooks, mas áudios, vídeos e todo tipo de software. Fique de olho e aproveite as oportunidades que vão surgir. Se você tem algo a dizer, essa é a hora!

-- A mais arriscada previsão de todas, o Brasil vai ganhar a copa de 2006. É só você torcer.

-- A mais certa de todas as minhas previsões para 2006 é: vou continuar a escrever artigos para seu prazer e conhecimento :-)

Até a próxima!

Copyright © 2006, Renato Fridschtein. Todos os direitos reservados.