Tire um raio-x do tráfego do seu site

AddThis Social Bookmark Button
“Dois clicks não nascem iguais”.
-- Mark Joyner

Se você já leu alguns dos artigos do site "me dá mais", conhece meu plano de ação de três passos para o sucesso na Internet:

1. Você atrai pessoas interessadas em seu produto para seu site (Pré-venda).
2. Você faz venda, transformando visitantes em clientes (venda).
3. Você trabalha sobre sua base de clientes e visitantes, multiplicando seus negócios ( Pós-venda ).

Para saber mais sobre este plano você pode ler ou reler o artigo em 'Ter sucesso na internet é tão fácil quanto contar 1,2,3' e outros em que discutimos este assunto, já que nesta matéria, você vai se concentrar no primeiro passo: atração de tráfego.

Afinal de contas, o que é tráfego?

Muita gente fica confusa quando usamos o termo tráfego em relação a páginas de Internet. Mas se a rede mundial é chamada de estrada da informação , podemos chamar o fluxo de pessoas que entram e saem de suas páginas de tráfego, percebe?

Tráfego de Internet é simplesmente o fluxo de visitantes em seu site.

Classificação de tráfego

Agora que tiramos isso a limpo, veja a classificação que elaborei dos diferentes tipos de tráfego com que você vai trabalhar na Net.

Ledo engano: Quando o empreendedor termina o site, acredita que o trabalho acaba por aí. Na verdade, está apenas começando. Por isso, acho importante você conhecer estas classificações que vão te ajudar a planejar suas estratégias para Internet.

Qualidade do tráfego

Na minha opinião, a classificação mais importante é da qualidade do tráfego. E neste quesito temos tráfego qualificado e desqualificado.

Tráfego qualificado é aquele que os visitantes sabem onde estão pisando antes de entrar em suas páginas. Isto é, eles navegam em seu site porque tem interesse na informação, produto ou serviço que o site oferece.

Por exemplo: quando o visitante vem dos buscadores, de links em boletins informativos (newsletters), alguns tipos de banners ou propaganda em mídia off-line. Nestes casos, provavelmente, a pessoa clica porque tem procura informações sobre o assunto. Uma das melhores opções de qualificação é a publicação de artigos em sites de terceiros.

O primeiro passo do plano de ação é atrair gente interessada em seus produtos ou serviços. A palavra chave é interessada . Quer dizer, de que adianta ter visitantes sem interesse no que você oferece?

Desqualificado é o tráfego que entra no site sem saber ao certo do que se trata. Métodos de atração de tráfego gratuito normalmente são desqualificados - redes de troca de pop-ups (pop exit, pop under, etc), browser starters, spam (não faça), etc.

Nestes casos, o visitante entra em sua página sem saber o que vai encontrar e sem grande interesse. Este tráfego serve para você mostrar aos amigos que tem muitos visitantes no site, mas faz pouco pelos seus negócios.

Dica: Procure sempre qualificar o tráfego em suas páginas. Diversos artigos do meio.ws podem te ajudar e em especial, o ebook 'Dominando os Sites de Busca'.

Freqüência do tráfego

Você já ouviu dizer que mais importante que a visita é o retorno de um internauta? Isso se deve ao fato de que dificilmente as pessoas vão comprar em um site que visitam pela primeira vez.

Isso também vale para a publicidade tradicional. Porque você acha que uma propaganda (seja no rádio, tv ou mídia impressa) é repetida tantas vezes?

O princípio de repetição diz que cada vez que o consumidor vê ou ouve a mensagem novamente, ela penetra um pouco mais fundo em sua mente, até o momento que ele está pronto para comprar.

Estudos mostram até, que um consumidor deve ser exposto 7 vezes a uma mensagem antes de decidir pela compra.

A diferença é que na Internet o visitante (o cliente) é quem escolhe retornar ao site para rever a mensagem. E este é um dos segredos do sucesso de um site: tráfego de retorno .

Chamo esta classificação de freqüência do tráfego, e há o tráfego de retorno, que você acabou de conhecer e o tráfego de partida, isto é, o fluxo de visitantes que entram em seu domínio pela primeira vez.

Quantas páginas você tem em seus favoritos e nunca mais as visitou? Conteúdo de qualidade é essencial para estimular o tráfego de retorno, mas isso só não basta.

Para melhorar as chances de seus visitantes retornarem, você deve usar um script para marcar a página nos favoritos, mas vai obter melhores resultados com a publicação de artigos, ebook marketing e email marketing.

Origem do tráfego

A próxima classificação é quanto à origem do tráfego, que pode ser externo ou interno.

O tráfego externo é formado pelas pessoas que desconhecem a empresa e estão entrando em suas páginas pela primeira vez. Quer dizer, elas vêm de fora do site.

Algumas fontes de tráfego externo são os buscadores, links em emails de terceiros, banners, propaganda em mídia tradicional e as citadas fontes gratuitas de tráfego.

Tráfego interno é gerado por técnicas de marketing viral que significa que os próprios visitantes que estão na sua página te ajudam a trazer mais visitantes. Seja através de indicações, encaminhamento de mensagens, programas de afiliados, boca a boa e etc.

Este tráfego é altamente qualificado, porque uma coisa é a você falar de si mesmo, outra bem diferente e de maior peso, é o público falar de você. Isso tem muito mais força para quem escuta.
Preço do tráfego

Finalmente, a questão do bolso: Temos o tráfego grátis e o pago.

Sobre tráfego grátis penso que o valor que você recebe é proporcional ao que paga. Não quero dizer que você não deva tentar atrair tráfego sem pagar nada. Pode ser que, pela natureza do site, este tipo de tráfego funcione para você.

Você deve testar as técnicas existentes, porque esta é a única maneira de saber com certeza o que serve e o que não presta.

Mas não aposte todas as fichas nisso. Se concluir que o tráfego gratuito não traz resultados satisfatórios, não perca seu tempo insistindo.

Acredito que essas técnicas de atração de tráfego grátis valem a pena:

•  Publicação de artigos – artigos e conteúdo de qualidade é fonte segura de tráfego qualificado. Permita que outras páginas publiquem seus artigos, desde que mantenham links ativos para seu site. Só fique atento porque muita gente não respeita o direito autoral. Dê uma olhada no ebook 'Redação Hipnótica'.

•  Otimização para buscadores – quando o site aparece no TOPO DAS BUSCAS as visitas são altamente qualificadas.

•  Trade Link – a troca de links com sites afins de qualidade (mas não concorrentes) pode atrair tráfego qualificado. Mas você deve planejar bem sua estratégia e não aceitar qualquer link.

•  Programas de afiliados – ofereça um programa de afiliados e poderá ter um exército de sites trazendo tráfego para suas páginas.

•  Banners Exchange – estes são serviços em que você publica um banner no seu site e a cada tantas visitas que recebe, seu banner é exibido em sites de terceiros. Não é tão qualificado e depende bastante de sorte, mas dê uma chance.

Compra de tráfego

Pode parecer que pagar pelo tráfego não seja uma boa idéia, mas se você fizer direito será o melhor investimento que fará em seu negócio na rede. Se não fosse assim, os grandes anunciantes não investiriam milhões de reais em propaganda, o tempo todo.

Outra questão é que ROI ( Retorno sobre Investimento) pressupõe investimento. Faça um investimento inteligente em tráfego e quanto mais investir, mas retorno vai ter.

Um bom exemplo é o PPC (pay per click). Nesta modalidade você escolhe palavras chave que quando pesquisadas em sites de buscas, mostram seu anúncio entre os primeiros. E você só paga se a pessoa clicar no anúncio – daí o nome – e visitar sua página. Quer dizer, você só paga por performance.

Suponha que você apurou que ocorra uma venda a cada 100 visitas em suas páginas. Quanto mais visitas, mais vendas. Portanto, quanto mais investir em PPC, mais visitantes terá e conseqüentemente mais resultado.

Outras formas de comprar tráfego são banners, anúncios em boletins de terceiros e publicidade tradicional. Estas modalidades normalmente são vendidas por impressão. Isto é, você paga um valor determinado para cada tantas impressões do seu banner ou anúncio.

Novamente, você deve testar as diversas oportunidades que o mercado oferece, mas se vai pagar por impressão, tenha certeza de ter um site vendedor.

Sem testar, nem eu, nem ninguém, pode dizer qual é o tráfego que vai funcionar melhor para seu empreendimento. Não tenha medo de tentar táticas diferentes.

Acredito que este artigo te dá uma boa noção e bastante elementos para começar. Qualquer dúvida entre em contato.

Copyright © 2005, Renato Fridschtein. Todos os direitos reservados.